segunda-feira, 16 de setembro de 2013

#ColoridaCuriosa - Lugares abandonados mais bonitos do mundo

Hoje estava lendo uma reportagem muito interessante sobre lugares abandonados pelo mundo. Eu sei que isso não tem nada a ver com literatura, mas achei tudo tão incrível que não tem como não falar sobre.
Mas pensando por outro lado, eles dariam super certo como arenas do livro Jogos vorazes =)


Kolmanskop no deserto da Namíbia

Kolmanskop, (em Alemão: (kolmannskuppe) é uma cidade-fantasma no deserto da Namíbia construída em 1908, a poucos quilômetros da cidade portuaria de Lüderitz. A cidade foi habitada por alemães.Sua construção tinha como objetivo a busca por diamantes, e foi abandonada 40 anos depois por causa do esgotamento dos minérios. Em 1920, a cidade abrigava 300 adultos alemães, 40 crianças e 800 trabalhadores nativos. Por ser próxima a um deserto, com o passar dos anos, a areia começou a invadir o lugar. Hoje em dia, o governo da Namíbia retirou a areia de alguns locais, permitindo a visita de turistas.
fonte: wikipedia


Nara Dreamland, Japão

um parque de diversões japonês, fundado em 1961 na cidade de Nara, inspirado na Disney. O parque foi um grande sucesso por décadas e possuia diversos brinquedos. Mas durante os anos 90 uma crise afastou os investimentos do parque e seus brinquedos já antigos acabaram ficando ultrapassados.








O Caminho de Kerry entre Sneem e Kenmare na Irlanda

Um lugar que ganhou o apelido de "túnel do amor" na cidade ucraniana de Klevan vira um passeio ideal para casais durante a primavera. A vegetação ao redor dos trilhos de uma linha de trem particular criam o ambiente romântico, apesar das eventuais passagens da locomotiva.
A linha é usada no transporte da produção de uma fábrica de painéis de fibra de madeira, e sua seção "romântica" tem extensão de 3 quilômetros, segundo a reportagem do "Daily Mail". Esse lugar não é tão abandonado, mas é lindo.
fonte: globo.com




Mosteiro de Disibodenberg

O Mosteiro de Disibodenberg foi um mosteiro da Alemanha, fundado sobre a tumba de São Disibod no século VIII. No fim do século XV guerras locais devastaram a região e o mosteiro foi saqueado, e durante a Reforma Protestante o mosteiro foi dissolvido, as propriedades passaram para o Estado, e novas guerras entre os séculos XVI e XVIII finalmente destruíram os edifícios.
Em 1809 as ruínas foram adquiridas pelas famílias Großarth e Gutenberger, que desmantelaram várias partes ainda visíveis e aproveitaram o material de construção, mas em meados do século XIX o local foi transformado em ponto turístico, e o que restava das ruínas foi preservado.
fonte: wikipedia


Angkor Wat, no Camboja

É o maior e mais bem preservado templo dos que integram o assentamento de Angkor. É também o único que restou com importante significado religioso - inicialmente hindu, e depois Budista - desde a sua fundação. O templo é o ponto máximo do estilo clássico da arquitetura Khmer. É considerado como a maior estrutura religiosa alguma vez construída, e um dos tesouros arqueológicos mais importantes do mundo.
fonte: wikipedia






Castelo Bodiam em East Sussex, Inglaterra

Bodiam Castle é um castelo quadrangular localizado no East Sussex, Inglaterra. Foi construído em 1385 por Sir Edward Dalyngrigge, um ex cavaleiro de Eduardo III, com a permissão de Ricardo II em ordem a defender a área circundante da invasão francesa durante a Guerra dos Cem Anos. De qualquer forma, recentes pesquisas sugerem que o castelo foi construído mais para exibição de poder que para defesa efectiva. Existem evidências que suportam esta pesquisa, uma vez que as suas muralhas têm apenas um par de pés de grossura. No seu interior encontrava-se um vasto edifício apalaçado, que viria a ser destruído pelas forças parlamentares em 1664, e do qual restam apenas vestígios.
fonte: wikipedia


Salão Hafodunos em Llangernyw, North Wales

Hafodunos Hall foi concebido em um estilo do renascimento gótico por Sir George Gilbert Scott, e construída entre 1861 e 1866 por Henry Robertson Sandbach, cuja família havia comprado a propriedade em 1830.
Depois que a família Sandbach vendeu Hafodunos durante o início da década de 1930, a construção teve diferentes usos, desde ser uma escola privada para meninas à um lar para idosos.
O edifício, em seguida, foi vítima de podridão seca que se espalhou rapidamente através de aposentos do servo na casa principal.
fonte: wikipedia



Craco, Itália

Craco é uma aldeia medieval localizada na região de Basilicata e da província de Matera.Durante meados do século XX, terremotos recorrentes começou a tomar um pedágio sobre a viabilidade da cidade. Entre 1959 e 1972, partes da aldeia foram severamente danificados e tornado inabitável por uma série de deslizamentos de terra. A ameaça geológico da cidade era conhecido por cientistas desde 1910, devido à localização da Craco em um monte de Plioceno areias pendendo das argilas, com ravinas causando cortes progressivos. Por segurança, toda a população de 1.800 moradores se mudou para Craco Peschiera em 1963, deixando a cidade desabitada.
fonte: wikipedia


Hotel del Salto na Colômbia

O luxuoso Hotel del Salto foi inaugurado em 1928 para acolher os viajantes ricos que visitam a área Tequendama Falls. Situado em frente à cachoeira e à beira do precipício, forneceu uma vista deslumbrante para os seus hóspedes. Então, Bogotá foi contaminado e turistas gradualmente perderam o interesse para a área. O hotel fechou as portas no início dos anos 90, e foi abandonado desde então. O fato de que muitas pessoas no passado escolheram esse local para cometer o suicídio, por isso fizeram crer que o hotel é assombrado.
fonte: blog lugares esquecidos








Six Flags - Nova Orleans

O parque Six Flags New Orleans foi inaugurado no ano 2000 com o nome de “Jazzland” operado pela empresa Smartparks Alfa e foi assumido pela Six Flags em 2002. O parque foi fechado 4 dias antes da cidade ser evacuada por causa do furacão Katrina dia 25 de agosto de 2005. Em março de 2012 foi anunciado que o parque será transformado em um shopping chamado Jazzland Outlet Mall.




Qual lugar vocês mais gostaram???